04 novembro 2011





Mas a verdade é que eu tenho medo. Eu simplesmente tenho medo de aceitar o fato de que você conseguiu penetrar em meu muro de pedra, e obteve o controle sobre meus sentimentos e pensamentos. Não consigo aceitar que eu possa estar infectada por esse vírus que machuca a todos sem dó nem piedade. Difícil se deixar levar quando a ferida ainda está aberta e sangrando pelas beiradas. Eu sei que não foi você e que nem em um milhão de anos você faria isso comigo, mas eu me isolo em minha bolha individualista, e acabo sendo grossa, sem perceber, apenas para me defender... Desculpe-me. A verdade, é que eu tenho medo e me defendo com as palavras, eu me afasto com palavras e ações, que na verdade não passam de um teatro, com uma mensagem subliminar implorando para que você me salve deste tormento. Mas você não me escuta, nunca me escutou, pensa que faço isso para te machucar e como resposta, me ignora ao ver me gritando no fundo do poço.
Eu preciso que você me escute, eu preciso que você me salve, eu preciso que você diga para eu esquecer deste medo e entrar em um mundo novo junto á você, sem receio, sem mágoa, apenas imaginando nosso futuro feliz e próspero. Eu fico esperando, mas você não vem, e não consigo fazer nada para que isso mude. Entenda, se eu te fiz algum mal, me perdoe por ser tão medrosa o suficiente para ignorar tudo o que nós podíamos ter sido.

 


Eu precisava tirar isso de mim, há muito tempo, eu precisava aceitar pra mim mesma, esse medo sem sentido que eu sinto. E ninguém melhor do que vocês, para compartilhar, obg amiguinhas blogueiras!

9 comentários:

Lissa Mattos disse...

uhmmm bem profundo, gostei!
seu blog é fofo ;)
bjuus

http://liissamattos.blogspot.com/

Girl Supimpa disse...

Olá =)
Tudo bem?

Palavras belas as do textinho.
Foi você mesma que fez?
Se foi está de parabéns!

Já estou seguindo seu blog e curti no facebook.

Vou te pedir uma coisa hehe: Vota em minha querida e humilde pessoa, na enquete da ...

http://pinkpimenta.blogspot.com/2011/11/etapa-2-sorteio-de-blogs.html

O meu nome é Girl Supimpa,é só votar =)

Ou se achar melhor,visita meu blog e leia a ultima postagem para entender melhor.
Obrigada,beijos^^

http://girlsupimpa.blogspot.com

Máh disse...

Adorei o layout do seu blog. Muito fofo, já estou seguindo.

Beijos!

Máh - Crazy for books.

Wendyel disse...

Lindo o texto, verdadeiro e profundo.
Tem uma tag pra ti no blog: http://tecido-doce.blogspot.com/2011/11/tag-coisas-que-odeio.html

Dona Flôr disse...

Belo texto, são poucas as pessoas que conseguem colocar em palavras o que vai passando cá dentro do coração.

Laís Saggiomo disse...

Que fofa..muito profundo! Quase chorei uihsuahsuiahsias
Dá uma passadinha no meu blog, tem post fresquinho ;)
www.laissamakeup.blogst.com
bjus

Juju disse...

Palavras bonitas, adoro ler textos assim, tenho até hoje uma agenda cheia de versos que eu colecionava na época do colégio, tudo que eu lia e gostava escrevia na agenda!!!


http://www.jullycolorsplus.blogspot.com/

Bjokas

αmαndα cristinα ツ disse...

Belíssimo texto! Às vezes é necessário colocarmos para fora tudo aquilo que nos abala ou abalou um dia, para nos vermos livres destes problemas...
Achei suas palavras muito bonitas e, com toda certeza, quero me jogar na escuridão e experimentar um mundo novo também!


Beijinhos,
www.primeiro-livro.com

Janaína disse...

Ótimo texto!
Quando alguem machuca a gnt a gnt trava mesmo.. demora muito tempo pra cicatrizar esse tipo de ferida..
Se o texto foi inspirado em algo que você está passando fica calma e espera pq o tempo cura tudo! e mostra caminhos pra gnt ser feliz de novo!
Adoro seu blog!
Obrigada por sempre passar no meu!